ATENÇÃO!

Todos os textos aqui presentes são da minha autoria à excepção daqueles cuja FONTE é devidamente indicada.
Não copie sem indicar a devida fonte "Essência da Magia" ou o devido Link.

All rights reserved, please do not copy my writings except those whose source is present.

sexta-feira, 29 de julho de 2011

Atitude de Fada


Não é fácil identificar índigos, seres de luz ou anjos, pois no fundo são pessoas como nós, com o mesmo corpo, mas as fadas, por outro lado, são difíceis de encontrar mas fáceis de identificar.

Apesar de não possuirem asas de borbuleta no corpo físico, possuem-nas no corpo etério conseguindo por isso viajar através da imaginação para outros sítios e visualizar o que está a acontecer neles, fazendo-os mais frequentemente através dos sonhos.

Elas também não precisam de se purificar (com sal marinho e água) como a maioria das pessoas, pois apesar de serem fácilmente atingidas com a negatividade exterior o seu «habitat», ou seja, a sua casa, onde liberta todas as suas energias de fada lavam-na por si só.
Adoecem com facilidade mas apenas quando viajam para sítios que não conhecem ou que não fazem parte de sí.

Vivem muito dentro da sua própria personalidade, como uma criança no corpo de uma mulher, mas se quiserem conseguem vivenciar a dor da outra pessoa e compreendê-la ao seu máximo.

As fadas não conseguem viver indiferentes às coisas, pois apegam-se demasiado.
Inconscientemente lidam com os animais da mesma maneira que com as crianças ou com as pessoas... Conseguem possuir sentimentos em relacção aos objectos materiais e choram fácilmente.

São pessoas delicadas, pacíficas e frágeis mas com uma atitude bastante determinada, rebelde, respondona e brincalhona.
Magoam-se com facilidade seja física ou psicológicamente e não conseguem ter raiva ou ódio durante muitas horas, em raros casos o ódio é transformado em medo.

Adoram tudo o que tenha açúcar, canela, bolacha, baunilha, fruta ou cereais.
Nos objectos adoram tudo o que seja da natureza, tudo o que brilhe ou que esteja coberto de flores.

São atraídas por pessoas que lhes façam sentirem-se bem.
Quando não reprimem o que são nem o que sentem são capazes de provocar alterações de humor extraordinários nas pessoas, seduzindo-as inocentemente e fazerem-nas sentirem-se bem com o mundo à sua volta mesmo que não queiram.
Raramente são levadas a sério pelos outros, porque criam um ambiente sempre divertido mesmo nas alturas mais drásticas.

Quando estão muito tristes, o que é raro, todo o mundo à sua volta torna-se cinzento e só outras fadas é que conseguem verdadeiramente animá-la. Mesmo estando triste ela vai fingir estar bem e demonstra-lo.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Seguidores